quinta-feira, 7 de setembro de 2017

O que é a arte?


A filosofia da arte (mais precisamente o problema da definição de arte) está prevista como matéria não opcional no novo documento das Aprendizagens Essencias de Filosofia, a aplicar já no ano letivo que agora começa nas cerca de duzentas escolas que aderiram ao projecto experimental de autonomia e flexibilização curricular. Este projeto será alargado a todas as escolas no ano letivo seguinte. 

Para quem pretende começar a preparar-se melhor para lecionar esse tema ou para quem quer simplesmente aprofundar os seus conhecimentos na área, irei dar uma ação de formação sobre o problema da definição da arte, promovida pelo Centro de Formação Beira Mar, em colaboração com a Associação de Professores de Filosofia. 

As inscrições para a ação de formação de 25 horas, em regime de elearning, terminam já na próxima semana e o número máximo de formandos admitidos é de 15.

Para mais detalhes, pode ver aqui.

Entretanto, deixo aqui o elenco de tópicos a explorar:



Contextualização histórica e filosófica do problema da definição de arte
- Estética ou filosofia da arte?
- Distinguir os problemas da definição, da interpretação, da avaliação e do valor da arte


Tipos de definições e modos de as classificar 
- Definições essencialistas e definições não-essencialistas da arte
- Definições funcionalistas e definições procedimentalistas da arte 

- Definições estéticas e definições não-estéticas da arte
- Definições reais e definições nominais da arte


Perspetivas essencialistas tradicionais  
- A definição representativista (Platão, Aristóteles e Danto) 
- A definição expressivista (Tolstói e Collingwood)
- A definição formalista (Bell e Fry)
- Objeções às definições anteriores

Perspetiva cética
- A indefinibilidade da arte e a arte como conceito aberto (Wittgenstein e Weitz) 

- A diferença entre definir arte e identificar objetos de arte
- Objeções à perspetiva cética


Perspetivas não-essencialistas  
- A definição institucionalista (Dickie)
- A definição historicista (Levinson)
- Objeções às definições anteriores.


Alternativa à definição: caraterizar a arte em vez de a definir  
- A caraterização naturalista (Dutton)
- A caraterização histórica (Carroll) 

Sem comentários:

Enviar um comentário