sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Heaven (Céu)

Quase apostava que não chega a 1% o número de alunos que conhecem ou ouvem a música dos Talking Heads. Foram uma verdadeira revelação na música rock do fim dos anos 70 do século passado e o seu sucesso confirmou-se amplamente ao longo das duas décadas seguintes. Vale a pena ouvir e, já agora, pensar um pouco na letra desta canção, intitulada Heaven (Céu). David Byrne, o cantor, diz que o Céu é um lugar onde todos querem entrar. Mas acrescenta que é um lugar onde nunca nada acontece. 

Bom, David Byrne está a falar de um bar que se chama Heaven. Mas será que esse bar não poderia, afinal, ser o Céu de que as religiões falam e onde todos querem entrar e ficar para sempre? E se for o Céu da eternidade, terá ele razão ao cantar que é o lugar onde nunca acontece nada? Bem vistas as coisas, se temos toda a eternidade pela frente, porquê fazer já seja o que for? Haverá sempre tempo para o fazer, pelo que se pode esperar infinitamente. Assim, talvez não aconteça mesmo nada e aqueles que dizem ser o Céu um lugar de tédio interminável tenham mesmo razão. Nesse caso, o argumento de que é a vida eterna que nos espera após a morte a dar sentido às nossas vidas não é lá muito persuasivo. Ou será?

2 comentários:

  1. Toda a gente quer ir para o Céu, mas ninguém quer morrer.....

    ResponderEliminar
  2. Pois, se calhar as bebidas nesse bar são muito caras :-)

    ResponderEliminar